(Des)construção da mulher!

No passado dia 8 desafiamos as Kriolitas que nos acompanham a partilhar uma coisa que tenham feito, ou deixado de fazer, devido a crenças originadas pela construção ideológica do “ser mulher”. Compilámos as respostas e deixo aqui a reflexão sobre cada uma, já que me revejo em todas e de uma forma ou outra, em algun momento me limitei pelos mesmos mptivos. Bjim espero que gostem

 Ten fidju antis di xinti preparada pamo idade dja staba avansadu, preson pa kaza.

Ok! 

A cartilha da mulher vendida pelo sistema: a mulher nasce e deve ser mantida pura, tão pura quanto uma toalha de linho branca. ela precisa estudar, ser quadro de honra, vai ser médica ou advogada. a seguir procura um marido, quando não encontra um que goste, aceita algum que lhe apareça, tudo para cumprir o seu destino. casa-se, tem filhos. de seguida espera-se dela que trabalhe como se não tivesse filhos e paralelamente cuide dos filhos como se não tivesse trabalho. enquanto isso, muitas vezes vive casamentos infelizes, aceita traições e desrespeito. Tudo em nome da cartilha! Em prol do interesse de quem? Nosso não é, com certeza!

E sobre ter filhos…bem, ela pode não ter conseguido ainda, pode não se sentir segura ainda, pode simplesmente não querer ainda, ou não querer nunca! Não nos diz respeito! Vamos parar de escravizar as nossas irmãs?

Pergunta: Tens feito essa pressão a outras mulheres? Se cada Mulher nasce à partida com um útero, porque raio temos que contribuir para perpetuar a relativização da existência da mulher e reduzi-la a uma costela de Adão?

·         Ndexa di bisti sertus ropa ki apezar di ser konfortavel i di mi n gosta, pamo pudia faze-m alvu maior, ou seja, ser sexualizada ou assediada. Ou pamodi bariga ta parsi es ta txoma-n gorda

Ok! Quem nunca sentiu vontade de usar AQUELA roupa, mas acabou por desistir por vários motivos.

Porque podem pensar que é curta, porque “vou a pé e vão me assobiar”, meter-se comigo, podem assediar-me, porque a tia vai dizer que sou “saída da casca”, o pai vai dizer que quero “ser da vida”, o professor vai dizer que pareço uma mulher adulta. Etc. etc. etc.

E quando à escolha da roupa ficar comprometida pelo peso ou pelo físico, não podemos vestir certas roupas porque somos gordas/magras. Não temos o corpo modelo. Quem disse que existe um corpo ideal? O corpo bonito é um corpo saudável, a importância das medidas reside apenas no aspecto saúde! De resto são invenções da indústria da moda e da estética para nos fazer gastar todo o nosso rico dinheirinho a tentar alcançar o dito corpo ideal.

Pergunto: QUANTAS VEZES NÓS MULHERES JÁ FIZEMOS ISTO A OUTRAS MULHERES?

“Bora” acabar com o bullying entre as mulheres? A divisão e a rivalidade entre as mulheres enfraquecem a nossa luta. Nós queremos bom carácter, não nos interessa o que a mana pendura no cabide, quantos centímetros tem e se é rosa choque ou preto!

Dexa di fazi un mestradu tudu pago pamo nten fidju ku 1 anu.

Priorizo sempre os filhos!

…si n grava prosesu di marka un sinplis dipilason nta izenplifika dimenson di kel desabafo. Obrigada mana pa trazi kel tema li.

Nha pergunta pa omis, kriolitos: na ki momento ki nhos ta torna un barera? Pamodi ki un mudjer ta dizisti txeu bes di sonhos pesual dipos di tem fidju? Pamo mai ki ta kuida, mai ka podi larga fidju, mai tem ki sakrifika. Sem dúvida nos tudo ta fazi nos sakrifisius dipos di tem fidju.

E se tentares priorizar uma vontade tua vão aparecer várias manas e manos a olhar de soslaio com o martelo na mão, prontos para sentenciar a tua negligencia. Mãe desnaturada!!!!

Ya…a vagina volta a ser a mesma, a libido também, continuamos a gostar de roupas, sapatos, unhas bonitas, saídas sem crianças, jantares a dois!

Pais…por favor, por detrás da mãe existe uma mulher que não pediu para ser maravilhosa. Ela precisa de tempo e espaço para se dedicar ao autocuidado e sem se sentir culpada! 

Fico passada da vida e oiço tantas vezes tanto de homens como mulheres, comentários sobre como tenho de me encolher e me diminuir, agora que sou mãe…

Como pode uma mãe criar adultos capazes, audazes, generosos e corajosos se para com ela própria se espera mesquinhez, inferioridade, anulação e pouco amor próprio?

Dexa di toma un pe ku amigos pamo mudjer ku garafa na mon e feiu.

Ah mas omi ta anda na strada zigi zagi pamo ka st aguenta sakedu mas e bunitu?

Nha pergunta: kantu mudjer ki dja fla otu mudjer kela? Ami nta obi-l tud ora pamo nta rejeita kopu pa n bebi serveja….kual e problema

Alcoolismo e un flagelo, mas certamente e ka ta fika mas bunito na pele di omi ki di mudjer. 

Nu meste abandona prekonseitu ma mudjer e panu branku ki tem ki permanese imakulada pa kazamento.

Feiu e prekonseitu!!!! Nhos dexa mana bebi se serveja em paz, fodasse!! 

Nu sai di visius di prekonseitu, abri espiritu, refliti sobre sertus verdade imposto ki si nu spia dretu ka tem nenhum fundamentu.

Karega enorme karga mental di organiza kaza pamo kela e papel di mudjer

Ya i galera ta pensa ma se papel e so suja i desaruma.

Ken nunca viu companheiro chegar a casa, desarrumar cozinha, casa de banho, vestir-se, perfurmar-se e sair para a night????

Mesmo na casais undi ki ta ezisti partilha di responsabilidadis domestiku, txeu bes mudjer ki ta assume liderança. Tipo: morrrrrr gas dja kaba!! Morrrrr ka tem ovo!!!!!

….KA BALI PENA FLA MAS NE…NÓS NÃO SUBSTITUIMOS A MÃE, NÓS SOMOS COMPANHEIRAS, CUIDAMOS E PRECISAMOS DE CUIDADO TAMBÉM!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s